Dica de Escrita

Como criar conteúdo para as Redes Sociais

Philip Kotler, um dos autores mais conhecidos da área de marketing, diz em seu livro marketing 4.0 – do tradicional ao digital que “o conteúdo é o novo anúncio, hashtag é o novo slogan.”

Hoje, as marcas e pessoas que geram conteúdos relevantes conseguem criar uma conexão com a sua audiência. Quantas vezes você deixou de seguir uma empresa no Instagram porque o conteúdo não estava sendo relevante para você? Mas muitas vezes você também passou a seguir uma marca ou uma pessoa, porque o conteúdo publicado fazia sentido para você, não é mesmo?

Isso abre uma gama de possibilidades – e trabalho – para escritores e aspirantes a escritores. Mas isso será tema de um próximo texto, aqui vamos abordar como criar conteúdo para gerar resultado pessoal, para a sua própria rede.

Quando você for criar o conteúdo para as suas redes sociais, é importante ter isso em mente: normalmente compartilhamos aquilo que faz sentido pra nós, que nos representa, nos conecta a outras pessoas ou que nos gera prestígio. Além disso, pense no conhecimento que você tem e naquilo que tem relevância para o seu público, faça um exercício e se coloque no lugar do seu público, reflita: o que você pode compartilhar que vai ser interessante para ele?


Por onde começar?

Comece criando uma lista de palavras-chave que tenha a ver com o seu trabalho como escritor. Esta lista irá te ajudar a pensar não só os conteúdos, como nas hashtags que você vai utilizar. Lembrando que só faz sentido usar hashtags se você utilizar o Instagram e o Twitter, pois nestas redes as pessoas buscam conteúdo pesquisando por hashtags. Ao utilizar as hashtags corretamente nestas redes, você terá grandes chances de aumentar o número de visitas no seu perfil.

Você pode utilizar o planejador de palavras-chave ou o autocomplete do Google. Quando você digita algo no Google, ele revela algumas sugestões logo abaixo. Essas palavras também representam termos com bons volumes de busca.



Existe outra ferramenta do Google, chamada Google Trends, onde você pode visualizar quais as palavras e termos queestão sendo mais pesquisados em cada região do mundo.




O que publicar?

Você já ouviu falar do Princípio de Pareto, ou Princípio 80/20?

Segundo seu criador, Vilfredo Pareto, economista italiano, 80% dos efeitos surgem a partir de apenas 20% das causas, podendo ser aplicado em várias outras relações de causa e efeito. ⠀

Esta lógica também pode ser aplicada na hora de pensar a sua linha editorial, ou seja, os conteúdos que você vai divulgar nas suas redes sociais, site/blog. Sugiro criar 80% dos conteúdos com informações, dicas sobre o seu trabalho para compartilhar com seus clientes/seguidores, e 20% dos conteúdos ser sobre vendas, promoção.

Pensando nos conteúdos que você vai publicar em um mês, se você publica dois conteúdos na semana, em cinco semanas publicará 10 postagens, certo? Logo, oito posts devem ser de conteúdo informativo, dicas sobre o seu trabalho ou serviço, e dois sobre vendas (anúncio de livros, cursos, etc).

Pense nos pilares do seu conteúdo, que tipo de conteúdo você vai compartilhar?

Você pode planejar temas que irá abordar a cada dia ou semana e pensar em assuntos que pode falar dentro de cada tema, como se fosse uma revista.


Perguntas para você se guiar na produção de conteúdo?

- O que você tem a oferecer? Tipo de informação, dicas, etc. Por exemplo: Tenho textos para compartilhar, frases motivacionais ou reflexivas, vídeos, dicas sobre escrita ou sobre livros.

- Como quer ser visto nas redes sociais? Por exemplo: como um escritor de narrativa longa, ou como um poeta.

- Por que as pessoas procurariam o seu perfil? Por exemplo: Porque se conectam com os seus textos.

- Quais canais de comunicação você vai utilizar para sua comunicação? Por exemplo: Site, Facebook, Instagram e grupo no Telegram ou Whatsapp.

- Qual seu objetivo com as redes sociais? Por exemplo: ser conhecido e reconhecido pelo seu trabalho como escritor.

E não se esqueça das personas, elas irão guiar a criação do conteúdo. A persona nada mais é que a “personificação” do seu público ideal. Para traçar a sua persona é importante conhecer o seu público, saber com quem você quer conversar nas redes sociais.


Faça listas

Para criar conteúdo, é importante você listar tudo que você poderia falar sobre o seu trabalho, produtos ou serviços:

- Quais dicas você pode passar?

- Que tipo de informação seria relevante para o seu público?

Você pode navegar na Internet, em grupos de discussão, fóruns, olhar os comentários e as perguntas que os usuários já fazem nas redes sociais que tenham relação com o seu trabalho, para ter ideia do tipo de conteúdo você pode criar.

Você também pode seguir os influenciadores digitais quefazem sentido para o nicho de mercado que você trabalha, pois estes profissionais compartilhammuito conteúdo e isso pode lhe ajudar a pensar conteúdos para as suas redes sociais.


Faltou inspiração?

Experimente acessar o Google Imagens e escrever um termo de pesquisa e observar as fotos relacionadas, é bem provável que você tenha algumas boas ideias para conteúdo. O mesmo vale para redes sociais visuais que também possuem mecanismos de pesquisas, como Tumblr, Flickr e Pinterest.

Ao buscar pelos termos certos no Google Notícias, por exemplo, é bem provável que você consiga vislumbrar alguns insights bem interessantes para conteúdos!

Já que estamos listando ferramentas do Google, outra ferramenta que auxilia muito na hora de criar o conteúdo é o Google Alerta. Com ela você pode monitorar as notícias que estão sendo publicadas de acordo com as palavras-chave que você cadastrar nela.

Você pode escolher receber e-mails diários ou semanais com o resumo de notícias publicadas. Se, por exemplo, “livros” for uma palavra-chave do seu negócio, você cadastra essa palavra no Google Alerta e passa a receber por e-mail as notícias relacionadas a essa palavra-chave!

Os trending topics do Twitter também podem ajudar nahora de criar o seu conteúdo. Ali você encontra o queestá sendo discutido no dia, notícias e memes...

Outra dica é a reutilização de conteúdos. Analise o conteúdo que você já criou e que teve uma boa audiência e transforme. Um artigo pode virar um post, vídeo ou infográfico.

Analise os posts com melhores performances no seu site por meio do Google Analytics, que é outra ferramenta gratuita do Google que você precisa instalar, caso tenha site, para que possa acompanhar os acessos.

Verifique também os posts com melhores índices de engajamento, para entender o tipo de conteúdo que a sua audiência tem mais interesse.

Não podemos esquecer as mídias off-line! Assista a TV, filmes, vídeos, ouça rádio, podcasts e leia livros que possam ajudar a aprimorar seu conhecimento e desenvolver conteúdos.

Você também pode listar as datas comemorativas que fazem sentido trabalhar em suas redes sociais no decorrer do ano para planejar com antecedência as ações que você irá fazer nestes períodos. Existem alguns sites que disponibilizam o calendário sazonal de datas comemorativas, entre eles o www.datascomemorativas.me


Ganhe tempo

Mais uma dica importante que vai te ajudar muito no dia a dia é escrever textos padrão para informações mais frequentes nas redes sociais. Se por exemplo você estiver lançando um livro, tenha um texto padrão com as informações sobre preço, envio etc.

As perguntas mais frequentes que são feitas para você nas redes sociais podem gerar ideias de bons artigos para o seu blog e também postagens para as redes sociais. Liste essas perguntas e responda a todas elas. Você pode disponibilizar estas perguntas com respostas em seu site e também ter em um arquivo que você tenha rápido acesso, para responder com agilidade as pessoas que interagirem em suas redes sociais.

É muito importante responder as interações e mensagens enviadas no inbox, converse com a sua audiência. Entenda o que eles querem consumir, os tipos de conteúdo que eles mais gostam, para seguir criando e se conectando com o seu público. Lembre-se: uma comunidade engajada tende a comprar mais.

E por fim, encare a criação de conteúdo para as redes sociais e a divulgação do seu trabalho como parte do seu trabalho. Planeje, tire uma manhã ou uma tarde para pensar no conteúdo da semana ou da quinzena e deixe o conteúdo programado. O Facebook possui uma ferramenta chamada Estúdio de Criação onde você pode deixar agendados todos os conteúdos, no Facebook e no Instagram. Tem dificuldade de criar as imagens/artes? Acesse o site www.canva.com e crie um perfil. Lá você vai encontrar modelos de postagens, fotos e muito mais para te ajudar na criação das imagens e até dos vídeos. E por último, mas não menos importante: sempre revise o conteúdo antes de publicar.


Graziana Fraga
05/07/2021

 

 

Site desenvolvido por metamorfose agência digital

DEPOIMENTOS

"Fiquei muito satisfeito com o conteúdo da Oficina. Minha experiência com escrita, agora vejo com maior clareza, era inteiramente prática ou intuitiva e, certamente, passível de ser substancialmente melhorada. Gostei muito da orientação obtida através da Oficina e, em particular, da tua avaliação do material dos desafios."

Décio Oliveira Elias,
Rio de Janeiro, RJ

mais depoimentos

 

Para Oficina de Criação Literária

 

 

 

curso desenvolvido pela